-Alimentação alternativa:

Pessoas com o sério problema de intolerância a glúten e/ou lactose, por terem pouquíssimas opções disponíveis para alimentação (tanto compras quanto restaurantes), tendem a ser
fieis, quando encontram algo que as agradam. O setor deve amadurecer e aumentar seus resultados.
Dentro do ramo de alimentação saudável, outro setor que deve crescer é o mercado fitness.

-Biojoias:

São as bijuterias feitas de material sustentável, com artigos vindos da nossa terra, como pedras,
folhas e sementes. Também valem as feitas de material reciclável. São produtos com personalidade
(você dificilmente encontrará uma peça igual à outra) e que tendem a fazer grande sucesso em
espaços turísticos, em cidades com forte apelo para visitantes. Saiba mais

-Brechós/ Consertos e reformas:

Tanto pelos tempos de crise quanto pela procura pelo sustentável, os brechós nunca saem de moda e continuarão a crescer, tanto quanto o setor de consertos e reformas. Esse último pode ser tanto de roupas quanto de eletrodomésticos, móveis, etc.

-Cosméticos:

Independente de qualquer crise, a vontade e necessidade de as pessoas se sentirem bonitas não esfria. Você pode investir tanto nos cosméticos naturais – que são menos agressivos à pele e à natureza – quanto na maquiagem profissional, altamente rentável e que necessita de um baixo investimento inicial. Saiba mais

-Infoprodutos:

Apesar de ainda ser relativamente uma novidade no Brasil, produtos digitais não exigem espaço físico, tem um leque muito grande de possibilidades, e permite que o empreendedor inicie começando do zero e lucrando muito. Nem sempre o começo é fácil, mas há grande demanda para a oferta.

Esses são apenas alguns dos ramos promissores para 2020 e para os próximos anos. Continue estudando e se informando sobre o que vai crescer, o que você pode acrescentar se já tiver sua empresa, e bons negócios!

Gostou? leia mais artigos em nosso blog.

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *